Meu cachorro come grama, e agora?

Meu cachorro come grama, e agora?
25/fev/2016
0 comentários

Os cães possuem dieta naturalmente carnívora, porém a maioria dos proprietários já presenciou seu pet se alimentando de plantas. A razão desse comportamento pode ser diversa.

De acordo com muitos veterinários, existe a questão da palatabilidade: alguns cães acham a grama saborosa. Outra causa, é a busca instintiva por alimentos que possam estimular o vômito, ou a eliminação de vermes. Animais que ingerem acidentalmente pelos (na água ou em vasilha de ração), ou que sofrem de endoparasitoses, podem sofrer desconfortos. Utilizar essa informação como dica para procurar um médico veterinário é uma boa ideia – às vezes o cão está com alguma alteração no sistema gástrico que necessita de atenção.

É importante lembrar que esse comportamento, por mais que pareça normal, também pode vir a acarretar problemas. A grama pode conter vermes que irão causar doenças aos cães, principalmente se o jardim em questão possuir trânsito de outros animais. Sem mencionar, é claro, a exposição às plantas tóxicas, que é uma das maiores preocupações.

Dessa forma, manter vasilhas limpas e livres de pelos, e seu animal com protocolo de vermifugação em dia, previne tanto a procura por plantas para aliviar desconfortos, como a possível infecção pela ingestão acidental de vermes através da grama. Além disso, existe a necessidade de retirar ou isolar plantas tóxicas, não permitindo acesso às espécies ornamentais ou qualquer outra que ofereça risco à saúde do animal.

Não deixe de alimentar seu cão com ração de qualidade, e visitar regularmente seu médico veterinário de confiança para garantir a saúde e o bem estar do seu melhor amigo.

 

Fonte: Blog do Cachorro